terça-feira, 17 de março de 2015

FINALMENTE O DISSOCIADOR?

video

Desde a explosão do Hindenburg que a humanidade sabe que hidrogênio é inflamável e explosivo. O problema é mover carros com esse gás limpíssimo na queima -  só sai água  e vapor do cano. Começava era estocar em reservatório de gás o combustível, problema que aqui não existe. O baixo valor energético do hidrogênio reduzia a potencia do motor e a quantidade de eletricidade  que  era necessária para dissociar os gases consumia mais energia que a produzida. Eu ouvi dizer que um professor da UFRGN conseguiu isso em 1965 com a bateria do carro, uma Bel Air Wagon do Ponto IV com um 250 L6 GM. porém  nunca mais se ouviu falar do cara, Nicanor de Azevedo Maia...

Um comentário:

Marlon José disse...

Video fake, o projeto nao foi pra frente.

Gerar o hidrogênio a partir da água é relativamente fácil, o difícil é fazer isso com eficiência, ou seja, gerando mais energia do que gastando.